O presidente do Poder Legislativo de Jacinto Machado, Enisson Recco (MDB), devolveu recursos que sobraram no caixa da Câmara Municipal em sua gestão e foi empossado como prefeito interino do município. Foram devolvidos R$ 415 mil para o prefeito João Batista “Gaiola” Mezzari (MDB), que entrou de férias.

No final da legislatura de 2021, a Câmara de Vereadores de Jacinto Machado registrou economia de recursos e, por acordo, garantiu a destinação para uma obra viária do município.

No ato da entrega simbólica do cheque ao Poder Executivo houve transmissão de cargo e a posse do presidente do Legislativo, Enisson Recco (MDB), como prefeito interino, nas férias de 15 dias do prefeito Gaiola, que retorna dia 18 de Janeiro.

O vereador iniciou o ano como chefe do Executivo Municipal.

Recco já havia assumido em julho de 2021.

“Em parceria com a prefeitura, resolvemos destinar estes recursos à sequência da pavimentação da rodovia de acesso à de Serra da Pedra, permitindo que o asfalto seja executado até a comunidade”, disse Enisson.

De acordo com o prefeito interino, a pavimentação deverá ser complementada com recursos da Prefeitura e a previsão para o início dos trabalhos é para os próximos dias, com a terraplanagem e base, a depender de condições climáticas.

Em Jacinto Machado, não há a figura do vice-prefeito já que o eleito José Francisco de Aguiar, o Zezinho (PSL), acabou falecendo vítima de complicações da covid-19 antes mesmo de ser diplomado.

0 Comentários

Comente essa publicação