Apesar de mais algumas doses da vacina contra a H1N1 terem chegado à região nesta quarta-feira, dia 25, a grande procura e o número baixo de doses disponíveis acabou zerando os estoques ainda durante o dia.

Em Sombrio, por exemplo, um dos postos que estavam fazendo a vacinação ficou sem a vacina antes do meio da tarde. Idosos se encaminharam às unidades e formaram filas respeitando o distanciamento orientado pelos profissionais. Já em Balneário Gaivota, apenas 300 doses foram disponibilizadas, 7% de todo o montante que deve chegar ao município. Em Araranguá, mil doses da vacina foram entregues. 

A Campanha Nacional de Vacinação contra o Influenza foi antecipada neste ano por causa da pandemia do Coronavírus, evitando assim a aglomeração de pessoas em postos de saúde.  

Iniciada na última segunda-feira, dia 23, a campanha será dividida em três etapas, sendo que nesta primeira parte, apenas idosos acima de 60 anos e trabalhadores da saúde estão sendo vacinados. 

No dia em que a campanha começou, um ofício chegou a ser divulgado pela Macro Gerência Regional de Saúde expressando indignação pelas poucas doses enviadas para as secretarias municipais.

0 Comentários

Comente essa publicação